Oncologia,

Grupo de  Órbita e

                  Oculoplástica

Nevo

 

Oncologia

Tumores intra-oculares

Tumores Benignos:  Nevo

Nevo da coroideia

 

O nevo é um tumor benigno originado nos melanocitos. Forma uma pequena elevação cinzenta, castanha ou amarelada na coroideia ou na íris.

Os nevos da coroideia são frequentes (estão presentes em 10% da população).

Diferem do melanoma maligno na medida em que:

    - têm espessura inferior a 2mm,

    - não causam sintomas,

    - não perdem quantidade significativa de líquido,

    - não têm grande quantidade de pigmentado alaranjado à superfície.

 
 
 
 
 

 

 

Nevo da íris

   Os nevos da íris são normalmente menores que os melanomas malignos, e não maiores do que 3mm de diâmetro.

 
 
 
 
 
 
 

Tratamento dos tumores intra-oculares

Trabalhos publicados

Nevus atípico ou melanoma da íris?

S Alves, S Pina, R Azevedo, M Bernardo, J Cabral, I Prieto

    Publicado na Revista da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia,     Artigo em PDF

    Vol. 35, n.º 3, pág 283-286, Julho-Setembro de 2011

 

                  Oncologia,

Grupo de  Órbita e

                  Oculoplástica

Nevo